15 de set de 2010

Dispersão


Perdi-me dentro de mim
Porque eu era labirinto,
E hoje, quando me sinto,
É com saudade de mim.
...
Para mim é sempre ontem,
Não tenho amanhã nem hoje:
O tempo que aos outros foge
Cai sobre mim feito ontem.
...
Mário de Sá-Carneiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas palavras para mim são muito importante!!
Esteja a vontade em comentar, a honra é toda minha!!
Obrigada!
E volte sempre!!